16 de outubro de 2016

Crítica: Madman (1982)


Hora de tirar uns slashers do fundo do baú! Como todo mundo sabe, a década de 80 foi bastante fértil pra produções do gênero, principalmente na primeira metade, quando produções como Sexta-Feira 13, Chamas da Morte, Halloween, entre outros, lotavam os cinemas e consolidavam o subgênero. Embora o subgênero slasher tenha sido - e continua sendo - bastante popular, algumas produções acabaram sendo esquecidas com o passar dos anos, uma das produções que entra nessa categoria é a pequena joia intitulada "Madman" (pela falta de um titulo traduzido é quase certo que nunca tenha sido lançado no Brasil, nem em VHS), um filme que não fica devendo quase nada a produções como Sexta-Feira 13.

O filme foi escrito e dirigido por Joe Giannone, em seu primeiro e ultimo trabalho como diretor e roteirista, tendo virado produtor de produções bagaceiras após o "fracasso" comercial de Madman na época do lançamento.

O filme foi exibido em drive-ins na época, não tendo um lançamento em grande circuito de cinema, já que o filme foi distribuído de forma independe, sem estúdios envolvidos. Felizmente, o filme não caiu totalmente no esquecimento e ganhou um público ao ser lançado em VHS nos Estados Unidos, ganhado status de filme cult entre fãs do gênero.

"O nome dele era Jason...Ops, Madman Marz, me enganei!"

A trama de Madmen é bem básica como todo bom slasher. Temos um local ermo, jovens idiotas querendo transar e um assassino sanguinário a solta. Estamos em um acampamento para adolescentes. É noite, sob a luz da lua, um grupo de jovens em volta de uma fogueira conta a lenda de "Madman Marz".

Segue a lenda que uma noite Marz decidiu massacre de sua família e, em seguida, foi pendurado por um grupo de pessoas em uma arvore do lado de fora da casa. Diz a lenda que no dia seguinte em que ele foi enforcado, o cadáver de Marz e sua família desapareceu sem ninguém saber ou ter pistas de seu paradeiro. Mas a lenda vai mais longe, pois presume-se que se alguém diz o nome em voz alta Madman Marz, o assassino em série retorna da sepultura para iniciar uma onda de assassinatos.

Como este é um slasher dos anos 80, você pode adivinhar o que vai acontecer ... Algum idiota grita o nome e acontece exatamente o que diz a lenda. Madman Marz retorna com seu machado, para matar todos brutalmente.


Madmen é tudo que você espera de um bom slasher, não foge disso e nem tem pretensão em ser mais que isso. O filme usa todos os clichês conhecidos, jovens transando em lugares improváveis, personagens indo sozinhos andar no meio do mato, fazendo coisas idiotas, Etc...Até mesmo a ideia do enredo remete a filmes semelhantes lançados na mesma época, Chamas da Morte como sendo a principal "inspiração". E por falar em inspiração, o próprio Madmen Marz parece ter influenciado na criação e no visual do personagem Victor Crowley da franquia Terror no Pântano (2006 - 2013).

O filme pode não ser um dos melhores slashers lançados nos anos 80, mas é divertido e cumpre o que promete com todos os elementos que fazem um slasher funcionar. Vale a pena conferir!



Por Marcelo Alves

Título Original: Madman 
Ano: 1982
Duração: 88 minutos
Direção: Joe Giannone
Roteiro:  Joe Giannone
Elenco: Alexander Murphy Jr.
Gaylen Ross, Harriet Bass
Jan Claire, Seth Jones



Postar um comentário