29 de dezembro de 2016

[Top 10] Melhores filmes de terror de 2016


Na lista dos Melhores de 2015, falamos em como foi difícil conseguir escolher 10 filmes pra colocar na lista, isso por que as opções foram tão escassas que se tornou um desafio. Foi então que veio 2016 e compensou, trazendo uma porrada de filmes bons e surpreendendo com outros bem excelentes. Devo dizer que teve vários filmes que ficaram fora dos 10 principais e você poderá sentir falta deles. Mas simbora, né!

[TOP 10] Piores de 2016


10. THE BLACKCOAT'S DAUGHTER
Talvez o filme menos conhecido da lista inteira, The Blackcoat's Daughter, também chamado de February, é um suspense lento e bem envolvente que acompanha três personagens cujos caminhos se chocam num desfecho surpreendente. O filme só não entrou numa posição mais elevada da lista por conta do final apressado, mas é sem dúvidas um must-see! Trailer.


9. RUA CLOVERFIELD, 10
O spin-off de Cloverfield - Monstro (2008), anunciado de surpresa em Janeiro, foi uma surpresa bem recebida. Apesar de não conter muitas conexões com o filme anterior e dá a impressão que usaram o nome só pra chamar atenção, o thriller estrelado por Mary Elizabeth Winstead e John Goodman é inquietante e bastante intrigante. Nele, Michelle (Winstead) sofre um acidente e acorda trancada em um bunker subterrâneo. O dono dele, Howard, diz que o mundo sofreu um ataque químico e que o ambiente lá fora é inabitável, por isso a manteria presa no lugar. Sem saber se a história é verdadeira ou não, ela tenta descobrir como se libertar. Trailer.



8. ÁGUAS RASAS
O sleeper hit do ano, Águas Rasas pegou todo mundo de surpresa quando a crítica especializada rasgou elogios, pois pelo trailer parecia um filme inteiramente comercial (o que é, pra falar a verdade). Com a maravilhosa Blake Lively no papel principal, esse suspense acompanha uma moça de viagem no México que se vê sem saída após um ataque de tubarão. À metros da maré, numa praia isolada, ela terá que se virar para sobreviver ao predador e chegar salva na costa. Trailer.


7. 31
Sim, gostamos dos filmes do Rob Zombie. O mais recente dele é um filme violento (dhã) e bem divertido, que se passa nos anos 70, mostrando um grupo de pessoas que são sequestradas na véspera do Halloween, sendo jogadas num grande complexo temático onde terão que lutar por suas vidas, escapando de assassinos sádicos fantasiados. Com toque slasher e um visual bem sujo, o que já é de praxe dos filmes do Zombie, 31 acabou sendo uma surpresa bastante divertida. Trailer.


6. RAW
Com uma passagem cheia de polêmicas em festivais, o Sessão conseguiu ver o filme em sua exibição no Festival do Rio 2016, apesar dele só estrear comercialmente em 2017. O longa francês/bélgico mostra uma garota que desenvolve um distúrbio alimentar que leva ao canibalismo após uma brincadeira de iniciação na faculdade. A trama psicológica pode não ser chocante como muitas notícias divulgavam, mas é bem dirigida e ganha pontos pelo clima intensamente incômodo no qual a história é apresentada. Trailer.



5. O HOMEM NAS TREVAS
Segundo filme de Fede Alvarez, que estreou na direção em grande estilo no ótimo remake A Morte do Demônio (2013), esse aqui deixa a violência e o gore de lado, dando lugar a um suspense inquietante, bem dirigido e coordenado que faz jus ao seu nome original: Don't Breathe (Não respire). Na trama, três jovens criminosos resolvem fazer um último assalto à casa de um cego que guarda uma fortuna. Mas nem tudo é o que parece e a noite acaba sendo um desastre assustador. Trailer.



4. INVASÃO ZUMBI
Esse blockbuster coreano, mais conhecido como Train to Busan (Busanhaeng), pegou todos de supetão, pois ninguém esperava que fosse tão bom! Com quase duas horas, o filme acompanha os passageiros de um trem durante uma epidemia zumbi. Apesar de não trazer coisas novas à mesa, Invasão Zumbi trabalha bem os clichês numa trama frenética, divertida e muito bem escrita. É sem dúvidas um dos melhores filmes de zumbis dos últimos anos! Trailer.



3. THE INVITATION
Quem me conhece sabe o quanto eu gostei desse filme. Puta que pariu, como eu gostei desse filme! Fui ver ele sem nenhuma pretensão quando foi lançado (infelizmente, não nos cinemas mas tá disponível na Netflix) e acabei me deparando com um dos melhores thrillers que já vi. A premissa é simples: um homem é convidado para um jantar dado por sua ex-mulher, que havia fugido após a morte do filho deles e reaparecido dois anos depois. Ele sente que há algo estranho, mas as situações não dão provas suficientes. O filme toma esse caminho de dúvida como um amigo e traz uma história envolvente e que só vai te soltar depois que ele acabar! Ps: Se você for assisti-lo, não procure ver trailer nem nada parecido. Só vá! Trailer.


2. O LAMENTO
Mais outra produção coreana na lista e recentemente revisada aqui no blog (leia a crítica aqui), The Wailing, lançado aqui como O Lamento, é um filme maravilhoso. Apesar de longo - 2 horas e 40 minutos! -, ele nunca se torna cansativo. A trama é pontual, incisiva e sempre traz elementos diferentes e intrigantes o suficiente para manter a atenção. A história acompanha uma aldeia aterrorizada por assassinatos chocantes e sem precedentes. Um policial local investiga a história e acaba temendo que sua família seja a próxima. O filme vai além dessa sinopse minimalista, mas a intenção é você ver o filme e se surpreender sabendo do mínimo da história. Trailer.


1. A BRUXA
Entramos em consenso e acabou sendo inevitável. Lançado em Março, A Bruxa veio junto de muita polêmica e barulho da mídia sensacionalista, chamando-o de "O filme mais assustador de todos os tempos" e outros títulos surpreendentes. Metade do público acabou não gostando do resultado ao vê-lo justamente por que A Bruxa não é um filme pipoca. Não é um filme de terror pra você ver com os amigos, se divertir, rir dos sustos que leva. Muito pelo contrário, é um filme atmosférico, que requer atenção e silêncio, uma história não convencional e bastante diferente da que vemos ultimamente no gênero. O enredo acompanha uma família cristã no século 16 que é exilada da cidade e vão viver próximo a uma floresta. Quando o bebê recém-nascido desaparece, a família entra em um espiral de medo e paranoia. Trailer.


MENÇÕES HONROSAS:
Como falei no início, era inevitável que alguns filmes ficassem fora da lista, portanto colocamos eles nas Menções Honrosas.

INVOCAÇÃO DO MAL 2
A continuação do smash hit de 2013 era amplamente aguardada mas acabou não sendo tão excelente quanto o primeiro. O problema de Invocação 2 foi reutilizar muitos jumpscares do primeiro, além do uso excessivo de CGI, o que fez com que muitas cenas perdessem o efeito (como as do Homem-Torto). O filme não foi ruim, mas foi aquém do seu potencial. Trailer.

OUIJA: ORIGEM DO MAL
Apesar do primeiro filme, Ouija: O Jogo dos Espíritos (2014), ser uma atrocidade, a sequência não foi pra tanto. Dirigida pelo competente Mike Flanagan, Origem do Mal conta a história do espírito DZ e se passa nos anos 60. O trabalho feito por um diretor talentoso mudou muito a franquia e fez com que o filme surpreendesse em seu resultado final, apesar dele mesmo se limitar a jumpscares e repetição de cenas da menininha com boca aberta. Trailer.

HUSH - A MORTE OUVE
Outro filme dirigido por Mike Flanagan, esse thriller de home invasion foi lançado direto na Netflix (por que as distribuidoras não se interessaram nele para distribuir nos cinemas) e fez um sucesso danado. A trama mostra uma mulher surda que é atacada por um estranho violento em sua casa. O longa é muito bem dirigido, há um cuidado bem evidente para que as cenas fiquem no tom certo de tensão, mostrando o perigo diferenciado devido à condição da protagonista. Pode não ser inovador, mas foi criativo com os clichês que tinha em mãos. Trailer.


QUANDO AS LUZES SE APAGAM
Adaptação do curta Lights Out de 2013, o filme mostra uma entidade chamada Diana que se manifesta apenas na escuridão. O terror era uma das promessas do ano mas vacilou por ter uma história limitada, a adaptação não funcionou tão bem quanto poderia. Os sustos envolvendo a Diana começam a ser previsíveis e perdem o efeito após certo ponto. Pelo menos o filme foi divertido, rendeu alguns sustos bem efetivos e conseguiu chegar nas Menções Honrosas. Trailer.

A AUTÓPSIA DE JANE DOE
Um dos filmes com a premissa mais intrigantes do ano, este suspense mostra dois legistas - pai e filho - que recebem um cadáver de última hora do xerife, com o pedido da causa da morte ainda na mesma noite. A moça morta é desconhecida (Jane Doe é um termo americano usado para pessoas não-identificadas) e seu corpo carrega mistérios inexplicáveis. O clima e ambientação do filme é incrível, tem um suspense muito bem construído e apesar de perder um pouco a mão no final, acho que merece sim um lugarzinho aqui nas Menções. Trailer.

THE MONSTER
Pouco conhecido e lançado em circuito limitado nos EUA, The Monster é o novo filme do Bryan Bertino (Os Estranhos) e acompanha uma jovem mãe e sua filha, aterrorizadas após um acidente em uma estrada isolada as colocarem na mira de um monstro desconhecido. O suspense é bem conduzido e as personagens são desenvolvidas o bastante para que você simpatize com elas. Não chegou ao Top 10 mas quase entrou! Trailer.

6 comentários :

  1. Anônimo12/29/2016

    Os dois primeiros da lista tb são meus favoritos do ano, Raw já ouvi falar, mas ñ consegui ver, já The Monster e The Blackcoat's Daughter ñ assisti, mas vou ver se agora assisto rsrs...
    Meu Top 10
    01.A Bruxa
    02.O Lamento
    03.A Autópsia De Jane Doe
    04.O Convite
    05.O Homem Nas Trevas
    06.Train To Busan
    07.Demônio De Neon
    08.Invocação Do Mal 2
    09.Rua Cloverfield, 10
    10.Quando As Luzes Se Apagam

    ResponderExcluir
  2. Bela lista , tirando o filme do diretor???? Rob Zombie , todos ótimos !

    ResponderExcluir
  3. Numa maratona para assistir a cada um da lista, faltam poucos. Obrigado pelas dicas!

    ResponderExcluir
  4. --Invasão Zumbi é Sensacional!
    --Aguas Rasas é um Filme com bastante suspense, me surpreendeu, pois esperava que fosse mais um filme meia boca sobre o tema Tubarão. O que não é!
    --O Homem nas Trevas é muito bom
    --A Bruxa, eu já não gostei. Achei chato!
    --Ouija e RUA CLOVERFIELD,10 também gostei muito de ambos!

    ResponderExcluir
  5. Cara, O Lamento é uma merda, tem que ter muito saco pra assistir isso!

    ResponderExcluir
  6. Anônimo7/17/2017

    Ainda bem que essa lista é a "Tua opinião" Me poupe, o melhorzinho daí é Águas Rasas.

    ResponderExcluir